Psicopedagogia / 29 de maio de 2019

Psicopedagogia Clínica e Institucional

images-1

Psicopedagogo é o profissional que vai ajudar a criança|adolescente/adulto/idoso nas dificuldades e transtornos de aprendizagem.

O seu objeto de estudo são as dificuldades da criança/adolescente/adulto/idoso, no processo de ensino aprendizagem.

Há três modalidades:

Psicopedagogo institucional
Psicopedagogo clínico
Psicopedagogo clínico-institucional

O psicopedagogo institucional vai atuar junto aos professores em concordância com a supervisão e a equipe técnica de especialistas que já acompanham a criança em dificuldades escolares, estudando formas para a criança/adolescente conseguir aprender determinado conceito ou conteúdo.

A atuação do psicopedagogo institucional se refere ao atendimento de um ou vários dentro de um coletivo.

O psicopedagogo vai apresentar outros caminhos, diferentes daqueles já disseminados nas práticas escolares e pouco efetivos.

Pois o que serve para um, nem sempre é adequado para o outro.

Somos seres diferentes com inteligências diferentes, habilidades diferentes, jeitos e formas de aprender também diferentes.

Uma estratégia de adaptação ou a própria adaptação precisa ser pensada para saber se vai atender aquela crianca. E o profissional adequado para isso é o psicopedagogo.

O psicopedagogo necessita estar atento a criança como um todo e como ela se comporta nas esferas: familiar, social e escolar.

Com isso, buscamos apresentar alguns tópicos que ajudam o profissinal a planejar as atividades e adaptações adequadas às necessidades dos aprendizes.

São eles:

Uma anamnese bem feita pela escola (orientação educacional) ajuda no processo de investigação e planejamento das atividades.

Uma escuta ativa com os professores e equipe pedagógica.

Observação periódica da criança/adolescente nos vários vários momentos do âmbito escolar.

Já o psicopedagogo clínico, fará os atendimentos em clínicas/consultórios em atendimentos individuais.

Há todo um protocolo de avaliação diagnóstica a seguir para a realização de uma triagem dos processos cognitivos que levaram o (a) aprendiz a apresentar dificuldades no processo de Aprendizagem.

E por fim o psicopedagogo clinico-institucional que é o profissional apto a trabalhar nas duas áreas de atuação.

Gostou desse post? Quer saber mais? Deixe as suas críticas e sugestões aqui embaixo.






Post anterior
2 ANOS E NÃO FALA...
Próximo Post
Crianças que não param nunca!!




Seja o primeiro a comentar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.